ABCIBER | Simpósios, ABCIBER XI - SIMPÓSIO NACIONAL DA ABCIBER 2018

Tamanho da fonte: 
A COBERTURA E O DESLIZAMENTO DA NARRATIVA EM "UMA HISTÓRIA SEVERINA”, DE ELIANE BRUM
Cíntia Charlene da Silva, Marcos Paulo de Araújo Barros

Última alteração: 2019-03-18

Resumo


Pretende-se neste artigo, em um primeiro momento, analisar o deslizamento da narrativa do documentário "Uma história Severina" que volta a ser abordada, oito anos depois, por Eliane Brum, em sua coluna " Chega de torturar as mulheres", publicada no site da revista Época. E, em segundo momento, verificar como a história da personagem é usada por vários meios de comunicação antes e depois da decisão do STF, sobre a descriminalização do aborto em caso de anencefalia, em abril de 2012. Para contextualizar a notícia que estava no agendamento do país, o dilema enfrentado por Severina, em 2004, é usado pela mídia para representar as mulheres que viviam a mesma realidade. Severina transforma-se, assim, em uma alegoria nas narrativas contadas pelos veículos.


Texto completo: DOC